segunda-feira, 15 de março de 2010

AUXÍLIO AOS AMANTES DA LITERATURA RUSSA; FORMAÇÃO DOS NOMES RUSSOS





Anton Pavlovitch Tchekhov, ou Antonka, Tonya, Tocya...

Uma das maires dificuldades na literatura russa, conforme já tive oportunidades de constatar, são os nomes dos personagens: por exemplo, uma hora o chamam de Piotr Nikolaievitch, mais na frente um pouco de Aleksandr, em outros momentos de Sacha Nikolaievitch Kataev, ou simplesmente Kataev e, muitas vezes um parágrafo depois, já a ele se referem por Shura! São tantas as variações que o leitor fica, por vezes, de cabelos em pé!

Tenho uma amiga, viciada em literatura russa, que por vezes comete o sacrilégio de torrar o pobre do Tchekhov, campeão nestas variações de um mesmo nome. Assim sendo, o objetivo deste post é o de ajudar leitores, como esta minha amiga, a se familiarizarem mais com os nomes russos, a partir da sua formação, o que facilita e muito o entendimento.

Os nomes russos partem de uma fórmula trinominal, surgida na Rússia na época do regime de Pedro, o Grande, que se compõe dos seguintes elementos:

Nome
Patronímico
Sobrenome

O nome é aquele que consta do passaporte do indivíduo, ou seja, do documento oficial. Por exemplo, Vladímir, Andrei, Alexei, Leonid, etc.

O Patronímico é um elemento muito antigo nos costumes russos e eslavos, de modo geral, tendo sido introduzido por volta do século XI. É usado em sinal de muita cortesia e respeito, num tratamento formal. Assim sendo, Putin é chamado pelos seus subalternos, muito provavelmente de Vladímir Vladímirovitch, ou apenas de Vladímirovitch, podendo ainda, os mais chegados o chamarem apenas de Vladímiritch; da mesma forma que Lenin o era de Vladímir Ilitch ou de Ilittch.

Para facilitar um pouco mais a vida do nosso leitor, eis como se forma, de maneira bem genérica, os patronímicos:

Com a ajuda dos sufixos ovitch / evitch (para homens) e ovna / evna (para mulheres), a partir do nome paterno, significando "filho de".Pegando o caso de Pedro, o Grande, sua filha - Ekatarina I se chamou Ekatarina Petrovna. Se, por exemplo, ele tivesse sido o pai de Pável, o Pável seria Petrovitch.

Existem outras terminações que, pelo caráter do post, nos abstemos de detalhar. Resta citar, apenas que, em alguns casos as terminações são reduzidas a Itch e Itchna: é o caso já citado do patronímico de Lênin(Ilitch): isto vai depender da letra final da raiz do nome paterno, o que seria entrar em detalher desnecessários no momento.

Sobrenome: Como aqui no Brasil ou em qualquer parte do mundo (acredito eu), o sobrenome é o nome de família. Aqui seriam Silva, Oliveira, Souza, etc.... Lá na Rússia é Petrov, Ivanov, Kataev, Kirov, etc.

Formas diminutivas dos nomes russos:

Aqui é que a porca torce o rabo... O diminutivo dos nomes russos introduz uma complexidade e, para nós, algumas surpresas, como por exemplo: Vania, que aqui é nome feminino, lá é o diminutivo de Ivan! E Katya e Nadia também são diminutivos, respectivamente de Ekaterina e Nadezhda (significa literalmente "Esperança" e era o nome da esposa do Stálin).

Os diminutivos são formados a partir dos nomes oficiais por meio de apócope (supressão de um fonema) ou de diferentes tipos de afixos.

Os diminutivos são empregados em tratamentos informais, tipo na família, entre amigos, entre colegas de escola, etc.

A quantidade de diminutivos que um nome pode ter varia de nome para nome: alguns têm mais de 100 derivativos!!! Vejamos, agora, alguns casos:

Adicionando sufixos ao nome:
*Andrei - Andreika, Andreiyshka

Formação a partir de duas, três ou mais letras do nome:

*Aleksei - Aliôsha
*Mária - Mára, Marucia
*Andrei - Andriusha (repare que Andrei já apareceu no grupo acima)
*Natalia - Natasha
*Olga - Olya
*Yulia - Yulka
*Svetlana - Sveta

Formação a partir de uma das letras iniciais do nome:
*Ivan - Isha, Ishka
*Mária - Mucia, Muria (também este nome está num grupo acima)

Formação a partir de sons tirados do meio do nome:
*Anastácia - Tácia, Ácia
*Antonina - Antocia, Tocia
*Alexandr ou Alexandra - Sania, Sasha
*Mária - Masha (de novo!!!)

Formação a partir da última sílaba do nome:
*Margarita - Rita (que aqui no Brasil é um nome), Ritucia, Tucia
*Svetlana - Lana(além do Sveta, já citado)
*Evgueny - Guenya, Genya, Enya
*Ivan - Vania

Repetindo-se duas vezes uma das sílabas do nome:
*Nikolay - Koka
*Borís - Boba
*Vladimir -Vova

Muitas vezes, obtém-se o diminutivo pela simples eliminação de sílabas do nome:
*Konstantin - Kostia
Nikolay - Kolya
*Ekaterina - Katya

Em certos casos, as formas derivadas diminutivas têm caráter mais complexo, já que são formadas a partir de outros diminutivos do mesmo nome:

*Alexandr: Shura (a partir do diminutivo de Sacha = Sachura)
*Evguêni: Yura (a partir do diminutivo de Genya = Genyura)
*Mária: Shura ( a partir do diminutivo de Masha = Mashura)

Como trataríamos o nosso querido Dostoievski, se ele ainda estivesse entre a gente?

Claro que, por respeito, nós, seus leitores, o chamaríamos de Feódor Mikháilovitch. Sua esposa e amigos mais chegados, de Fédya. Mas - para todos, simplesmente de "o maior escritor domundo"...

Empatando com Dostoievsky no ranking de melhor escritor, eis como Liév Nikolaievitch Tosltoi seria tratado: por mim, sua maior fã, simplesmente de Liév Nikolaievitch. Por Sóphia, sua esposa (para ele apenas Sonia) ele seria Levushka, Levunya, Liôva, Liônia, ou ainda LiôciaLioka!

Pois é, a Sonia podia reclamar de tudo, menos de falta de opção para chamar seu talentoso marido!!!

5 comentários:

Andreia disse...

k interessante.Sabes como acabaria o nome Kurshin para rapariga? sff

Aksínia disse...

Oi, Andreia,
Kurshin é um sobrenome russo e as mulheres que o portam são KurshinA.
Abraços.

Andreia disse...

obrigada :)

Helder CLEITON 55 disse...

Errado... O nome seria куршиновна(KURSHINOVNA)

Milu disse...

Errado 1:
Não, Helder Claiton, nomes terminados em in viram INA no feminino. Tipo Putin=PutinA. Seria KurshinovA se fosse feminino de KurshinoV. Boa noite, voltem sempre.

GOSTOU DO BLOG? LINK ME

www.russiashow.blogspot.coms